ComAqui (Recife/PE)

Este post estava demorando a aparecer por simples falta de fotos, mas hoje corrijo este pecado mortal. Caso o paraíso exista, a cozinha de lá deve ser a do ComAqui. Você já provou comida taiwanesa? Provavelmente não. E provavelmente muita gente nem sabe onde fica Taiwan. Então, vamos a uma pequeníssima aula de geografia.Taiwan é uma ilha que durante muito tempo foi conhecida por alguns de nós, brasileiros, como Formosa. Ainda hoje é fruto de disputas, uma vez que sua população deseja ser vista como nação independente, coisa não permitida pelos chineses. Oficialmente é um território da China, mas conta com regime diferenciado, capitalista ocidental, o que a fez um dos quatro Tigres Asiáticos juntamente com Hong Kong, Coréia do Sul e Singapura. Taiwan foi refúgio para os fugitivos do regime comunista chinês. Muita gente pode perguntar: mas, se Taiwan é uma China independente, por que esta diferenciação culinária? Simples. O Regime Comunista Chinês degradou a cultura do país durante a Revolução Cultural que impôs a seu povo. Taiwan preservou a antiga cultura e hoje a integra com uma modernidade típica dos países de maior desenvolvimento do Oriente.

Por isso que no ComAqui você não vai encontrar yakissoba, rolinho primavera, essas coisas. Sabores muito fortes também não. É tudo muito suave (exceto por uma pimenta que tem lá). O lugar é comandado por Seu Mário e Dona Suna. Este não são os nomes deles mesmo, mas como os que trouxeram de lá são muito complicados, estes facilitaram a comunicação. Além de muito simpáticos, conseguiram construir um pedaço de Taiwan no Recife. Tranquilo ao ponto de você pensar que o local está fechado, conta, inclusive, com a louça típica da terra deles. A comida tem como base uma massa parecida com massa de pão, base para pratos como o Xiao Long Bao (se não me engano é assim que se escreve e é o meu favorito), o gyozá (preparado frito ou cozido – o que é muito melhor) e o pãozinho de coentro (chamo assim porque não aprendi o nome). O arroz é base para o Bazan (cozido misturado com carne de porco e amendoim em folha de planta). Porco, frango e camarão são utilizados, assim como o gengibre. Também tem o prato que compete com o Xiao Long Bao por minha preferência: o lámen tailandês. Este é um macarrão tipo miojo, feito com molho de soja e um frango que eu passei anos pensando ser carne pela forma do preparo. A entrada pode ser feita com o caldinho de siri ou o tofu defumado. Alguns detalhes merecem ser mencionados, como o shoyo temperado com coentro e alho feito por lá e a ervilha desidratada que vez por outra Seu Mário traz de São Paulo.

Gyozá cozido

Gyozá cozido

Xiao Long Bao

O ComAqui fica no Espinheiro em endereço detalhado logo abaixo. É um dos meu Top 5 e vale muito a pena ir por lá. Já levei uma penca de amigos. O atendimento é espetacular, a comida também, o local também e tudo mais… também. E quem for, escreva por aqui, viu?

Serviço:

Restaurante ComAqui

Rua Carneiro Vilela, 107. Espinheiro. Recife-PE

Fone: 3427 2327

Todos os dias aberto para almoço e jantar. Aos domingos apenas para o almoço.

~ por Eduardo Bezerra em 4 de Março de 2012.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: